Personagens históricos da franquia de games Assassin’s Creed: Parte IX Assassin’s Creed III

E como prometido, damos continuidade a sequência de personagens históricos de Assassin’s Creed, com a parte 9, Assassin’s Creed III.

 

Samuel Adams

SamuelAdams

Vida Real

Samuel Adams (1722 – 1803) foi um político dos Estados Unidos, considerado um dos founding fathers do seu país. Foi governador de Massachusetts e primo de John Adams, segundo presidente dos Estados Unidos.

Adams foi o grande promotor da independência, e possivelmente a ele se deve a constituição do Tea Party, de Boston, que lutou para derrubar o monopólio do chá, detido pela metrópole britânica. A perseguição que lhe moveram deu origem à primeira escaramuça da Guerra da Independência, tendo Samuel Adams prestado valorosos serviços à causa das colônias rebeldes.

Assassin’s Creed

Em 1770, o mentor de Connor, Achilles Davenport, pediu ajuda para Adams depois de Connor ter sido acusado de causar o Massacre de Boston. Samuel ensinou a Connor várias coisas, entre elas, como reduzir sua notoriedade retirando cartazes de procurado.

Connor trabalhou com Adams por diversas vezes durante o game. Inclusive no último despejo de chá do Tea party.

 

 

Benjamin Franklin

BenjaminFranklin

Vida Real

Benjamin Franklin (1706 – 1790) foi um jornalista, editor, autor, filantropo, abolicionista, funcionário público, cientista, diplomata, inventor e enxadrista(jogador de xadrez) norte-americano, foi um dos líderes da Revolução Americana, religioso, calvinista, e uma figura representativa do iluminismo. Correspondeu-se com membros da sociedade lunar e foi eleito membro da Royal Society.

Assassin’s Creed

Em Assassin’s Creed III, Benjamin Franklin fora controlado pela Apple que estava sob poder do rei Washington. Assim, Franklin fora obrigado a construir uma barreira especial na sala do trono. Franklin fez várias coisas ruins sob o controle de Washington. Mas foi graças a Connor que convenceu Adams a deixá-lo vivo, tomando como base as informações que Franklin poderia dar.

 

Barão Von Steuben

VonSteuben

Vida Real

Friedrich Wilhelm Ludolf Gerhard Augustin von Steuben (1730 – 1794) foi um oficial de exército prussiano que serviu como general inspetor e major-general do Exército Continental durante a Guerra de Independência dos Estados Unidos.

Von Steuben é creditado por ensinar ao Exército Continental as essências do exercício e disciplina militares, ajudando-o e conduzindo-o à vitória. Escreveu o Manual de Exercício da Guerra Revolucionária, um livro que se tornou na norma dos Estados Unidos de exercícios manuais até a Guerra de 1812, e serviu como chefe do estado-maior de George Washington nos últimos anos da guerra.

Assassin’s Creed

Von Steuben trabalhou em Valley Forge, perfurando as tropas em táticas militares básicas.
Durante a batalha de Petersburgo, em 1781, o Barão von Steuben foi acompanhado de perto por assassinos enviados por Ratonhnhaké:ton, para garantir sua segurança.

Von Steuben era para fazer parte de Assassins Creed III, mas sua aparição foi cancelada, assim ele fez parte apenas dos contratatos de assassinos. Seu conceito de arte pode ser visto em “A Arte de Assassins Creed III”.

 

Israel Putnam

IsraelPutnam

Vida Real

Israel Putnam (1718 – 1790) era um americano que lutou com distinção na batalha de Bunker Hill (1775), durante a Guerra Revolucionária Americana (1775 – 1783). Ele tinha o serviço notável como um oficial com Rangers de Rogers durante a Guerra Franco-Indígena.

Sua coragem e espírito de luta imprudente eram conhecidos muito além das fronteiras de Connecticut, através da circulação de lendas folclóricas celebrando suas façanhas.

Assassin’s Creed

Israel Putnam (1718 – 1790) foi um americano em geral no Exército Continental, que lutou com distinção na batalha de Bunker Hill durante a Guerra Revolucionária Americana.

Por volta da época da batalha, Putnam entrou em contato com Connor, que o ajudou no assassinato John Pitcairn, que liderava os membros de Bunker Hill.

Um ano depois, Putnam estava presente durante uma tentativa de assassinato de George Washington, que também foi frustrada pelos assassinos, onde ele declarou Connor um herói.

 

Marquês de La Fayette

LaFayette

Vida Real

Marie-Joseph Paul Yves Roch Gilbert du Motier, mais conhecido como Marquês de La Fayette (1757 – 1834), foi um aristocrata e militar francês. Participou na Guerra da Independência dos Estados Unidos, no posto de general, e foi líder da Garde nationale durante a Revolução Francesa.

Assassin’s Creed

Durante a batalha de Brandywine, Lafayette demonstrou excelentes qualidades de liderança e aptidão na batalha. Apesar do fato de que os Patriots foram derrotados na batalha e que ele foi ferido, Lafayette foi elogiado por organizar e dirigir uma retirada ordenada que salvou centenas de vidas.

Lafayette tornou-se um amigo de confiança e subordinado de Washington. Ele também se juntou ao fiel aliado de Washington, o assassino Connor. Os dois discutiram a progressão da guerra. Lafayette relembrou suas experiências e expressou sua vontade de um dia convidar Connor para a França quando a guerra terminasse.

 

 
Damos por encerrado a sequência de Connor.
A próxima parte, será a última parte dessa sequência e matérias referentes a Assassin’s Creed.
Até a próxima.

Você pode gostar...

Por favor, não saia ainda!
Caso tenha chegado aqui por uma pesquisa do Google e gostou da nossa matéria. Deixe seu email na caixinha abaixo para receber gratuitamente nossos feeds diretamente na sua caixa de entrada.
Obrigado por se inscrever. Você deve confirmar seu endereço de e-mail. Por favor, verifique seu e-mail e siga as instruções.
Nós respeitamos sua privacidade. Não divulgaremos suas informações pra ninguém!
Vai sair mesmo? Que pena. :-(
×
×
WordPress Popup
Assine a nossa newsletter
Deixe seu e-mail gratuitamente para receber nossas atualizações sobre as últimas notícias do site!
Não, obrigado
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Vai fechar mesmo?
×
×
WordPress Popup